Mostrando postagens com marcador ator famoso. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ator famoso. Mostrar todas as postagens

domingo, 29 de junho de 2014

ADRIANO REYS . " Obituário da Fama" Ator Famoso.


Ator [20 / 07 / 1933 <==> 20 / 11 / 2011] Adriano Antonio de Almeida, mais conhecido como "Adriano Reys", foi um famoso ator brasileiro, sendo mais lembrado pelo público e fãs por suas diversas atuações em filmes nacionais, teatro e novelas para a televisão. Adriano Reys nasceu em 20/07/1933 na cidade do Rio de Janeiro, e apesar da dedicação aos esportes nos tempos de colégio (que lhe valeu várias medalhas) , as tendências artísticas de Adriano Reys foram mais fortes. Com apenas 19 anos, estreou no cinema, no filme "Os Três Recrutas" (1953). Na mesma época, pisou os palcos pela primeira vez, na peça "Cupim", contracenando com Oscarito, Margot Louro e Miriam Teresa. De sua carreira cinematográfica, destacam-se "Tiradentes, o Mártir da Independência" (1977) (de Geraldo Vietri) e "Menino do Rio" (1982), de Antônio Calmon. Foi dirigido também por Domingos de Oliveira, em "Todas as Mulheres do Mundo" (1966), e Carlos Manga, em "A Dupla do Barulho (1953)", entre outros. Seu primeiro trabalho em televisão foi em 1970, na telenovela "E Nós Aonde Vamos?". No mesmo ano, fez também "Pigmalião 70" (1970). Depois, vieram "Bel-Ami" (1972), "A Viagem" (1975) e" Éramos Seis (1977)", todas na TV Tupi de São Paulo. Transferido para a TV Globo, atuou em "Ciranda de Pedra" (1981), "Sétimo Sentido" (1982), "Final Feliz" (1982), "Ti Ti Ti" (1985), "Vale Tudo" (1988), "Barriga de Aluguel" (1990) e "Mulheres de Areia" (1993), entre outras. Em uma breve passagem pela TV Bandeirantes, contracenou com Betty Faria em "A Idade da Loba" (1995). Adriano Reys afastou-se por oito anos da TV, para retornar, pela Globo, em "Kubanacan" (2003) e "A Lua me Disse" (2005). No ano seguinte, voltou à Bandeirantes, atuando em "Paixões Proibidas". Em agosto de 2009, foi ao ar seu último trabalho na televisão: "Promessas de Amor", na TV Record. Antes, na mesma emissora, já havia participado da terceira fase de "Mutantes — Caminhos do Coração". Morreu em novembro de 2011 no Hospital Copa D'Or, no Rio de Janeiro, onde estava internado havia 10 dias para tratamento de câncer no fígado e no peritônio. Adriano Reys era casado com Viviane de Amorim Cantinho e não tinha filhos. Causa da Morte: Adriano Reys morreu 20/11/2011 com 78 anos de idade no Hospital Copa D'or na cidade do Rio de Janeiro, devido à complicações de câncer no fígado e no peritônio. Sepultamento: O corpo de Adriano Reys foi cremado no Cemitério Memorial do Carmo - Caju - Zona Portuário do Rio de Janeiro. Av. Monsenhor Manuel Gomes, 287 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil. Coordenadas GPS (Latitude / Longitude) (Cemitério): [22°53'18.43"S / 43°13'14.21"W] [Clique nas Coordenadas acima para acessá-las no Google Maps!] __________________________________________________________ Nota: [Zelamos pela qualidade e precisão das informações contidas nas Mini Biográfias publicadas, no entanto falhas podem ocorrer, sendo que neste caso solicitamos que possíveis erros existentes nessa Mini Biografia, bem como para complementar informações e dados que possam melhorar o artigo, sejam comunicados através do e-mail: assombracoes@gmail.com]. __________________________________________________________

domingo, 15 de dezembro de 2013

IRVING SÃO PAULO Ator. Obituário da Fama.


[26 / 10 / 1964 <==> 10 / 08 / 2006] José Irving Santana São Paulo foi um ator brasileiro, o qual é lembrado por seus diversos papéis em novelas para a televisão. Irving São Paulo nasceu em Feira de Santana no estado da Bahia, sendo filho do cineasta Olney São Paulo e irmão do também ator Ilya São Paulo. Inving começou cedo no teatro de sua cidade natal, aos seis anos de idade, e iniciou sua carreira profissional em grande estilo na Rede Globo nos anos 80, com destaques para as telenovelas Final Feliz (1982), de Ivani Ribeiro, na qual viveu o limítrofe Rafael, Bebê a Bordo (1988) e A Viagem, de 1994, que foi reprisada em 2006 no Vale a Pena Ver de Novo, vivendo o músico Zeca, o irmão de Lisa (Andréa Beltrão). Irving era um dos atores preferidos da escritora Ivani Ribeiro, tendo participado com papéis destacados em outras de suas novelas, como O Sexo dos Anjos (1990) e Mulheres de Areia (1993). A melhor fase de sua carreira foi no periodo de 1992 a 1994, onde fez as novelas Perigosas Peruas, Mulheres de Areia e A Viagem, que na verdade foi seu último papel de destaque na TV, ficando depois disso, esquecido pela mídia e imprensa. Fez pontas em outras novelas, como Torre de Babel e Estrela-Guia. Os últimos trabalhos de Irving na Rede Globo foram participações no programa Linha Direta Justiça e na minissérie Um Só Coração, ambos em 2004. Após a morte de Ivani Ribeiro suas participações na TV foram reduzidas a pontas em tramas dirigidas por Denise Saraceni. Em 1997, foi um dos jurados do Miss Brasil 1997. Seu último trabalho foi como diretor teatral do Espetáculo "Desclassificados", com o ator e amigo Thiago Júnior. Irving São Paulo faleceu aos 41 anos de idade na cidasde do Rio de Janeiro, vítima de uma falência múltipla dos órgãos decorrente de "Pancreatite". Deixou dois filhos, Johann Irving Luporini São Paulo (nascido em 02/10/1983) e Luiz Henrique de Magalhães Dias Coelho São Paulo (nascido em 02/05/1985). Durante o enterro do ator Irving São Paulo, na manhã de 11/08/2006, no Cemitério São João Batista, em Botafogo, Rio de Janeiro, ocorreu um tumulto. Irritados com a presença da imprensa no enterro, familiares do ator agrediram um videorepórter da Rede TV!. Ilya São Paulo, irmão de Irving São Paulo, também xingou os jornalistas, que foram obrigados a correr para fora do cemitério para não serem agredidos por ele. Cerca de 60 pessoas, entre amigos e parentes de Irving, compareceram ao sepultamento. Estiveram no velório os atores Mara Manzan, Milton Gonçalves e Tonico Ferreira, que deixaram o cemitério antes do início da confusão. Causa da Morte: Falência múltipla dos órgãos decorrente de "Pancreatite". Sepultamento: Cemitério São João Batista. R General Polidoro, s/n - Botafogo. Cidade do Rio de Janeiro - RJ - Brasil. Coordenadas GPS (Latitude / Longitude): [22°57'32.18"S / 43°11'16.92"W] [Clique nas Coordenadas acima para acessá-las no Google Maps!]

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

HUMPHREY BOGART Ator.


Ator [25 / 12 / 1899 <==> 14 / 01 / 1957] Humphrey DeForest Bogart , mais conhecido como Humphrey Bogart, foi um famoso ator norte americano, lembrado mundialmente por suas inúmeras participações em filmes de grande sucesso, dentre eles "Casablanca". Batizado como Humphrey DeForest Bogart, ele era o filho mais velho de Belmont DeForest Bogart e Maud Humphrey. Seu pai era um médico cirurgião e a mãe artista gráfica de sucesso. Bogart vViveu confortavelmente no bairro de Upper West Side, em Nova York, e estudou em uma escola particular prestigiada, a Trinity School, e posteriormente na Escola preparatória Phillips Academy em Andover, Massachusetts. A princípio pensou em estudar medicina na Universidade de Yale, mas seus planos não se concretizaram por ter sido expulso da escola preparatória por comportamento rebelde. Depois disso dirigiu caminhões por algum tempo. Por ter nascido no Natal de 1899, Bogie foi apelidado como "o homem do século passado". Bogart se alistou na Marinha para combater na Primeira Guerra Mundial. Em 1918, o barco que estava foi atacado por submarinos e um fragmento de madeira rasgou sua boca, afetando sua maneira de falar para o resto da vida. Humphrey Bogart começou sua carreira nos palcos do Brooklyn em 1921, sem nunca cursar aulas de teatro. Entre 1922 e 1925, ele apareceu em 21 produções da Broadway. Na época, Bogart conheceu Helen Menken, sendo que eles se casaram em 1926 e se separaram um ano depois, em 1927. Em 1928, ele se casou com a atriz Mary Philips. Em 1934, Bogart atuou na peça "Invitation to a Murder", onde o produtor Arthur Hopkins o viu e o escolheu para fazer parte do elenco de "The Petrified Forest". A peça teve 197 apresentações em Nova York, onde Bogart representou o papel de Duke Mantee. Para esse personagem, um sinistro e perigoso fugitivo da cadeia, Bogart ousou na interpretação, fazendo com que o personagem andasse lentamente e encurvado, pois, segundo ele, era como ficaria se ficasse longos anos presos à correntes e bolas de aço que se usava nos presídios da época. Quando a Warner Bros comprou os direitos da peça para filmá-la, assinou contrato com o protagonista Leslie Howard. A Warner iniciou então testes para o papel de Duke Mantee, onde Howard insistiu na contratação de Bogart. Sendo assim, em 1936 o filme "The Petrified Forest" foi lançado, contando ainda com a participação de Bette Davis. Bogart recebeu excelentes elogios. Mary Philips recusou-se a seguir o marido até Hollywood e pouco depois eles acabaram se divorciando. Em 1938, Bogart casa-se pela terceira vez, agora com a atriz Mayo Methot. O casamento com Mayo foi desastroso devido ao comportamento paranóico quando bebia, se convencendo que o marido a traía, gerando várias discussões. O "ponto final" no casamento foi provavelmente Casablanca (1943), quando Mayo o acusou de ter um caso com Ingrid Bergman. No filme "Casablanca" surgiu uma das lendas do cinema, a frase que ficaria famosa e que Bogart nunca a disse: -Toque de novo Sam! (no original: Play it again, Sam!). Em 1938, Bogart apareceu em um musical chamado "Swing Your Lady" no papel de um promoter. No ano posterior apareceu no filme "The Return of Doctor X" (ambos os filmes sem muita projeção). Entre 1936 e 1940, a Warner não lhe deu bons papéis, mas ele mesmo assim não recusava os papéis que lhe eram oferecidos para não ser dispensado. Ele fez filmes como "Racket Busters", "San Quentin" e "You Can't Get Away With Murder". Seu melhor papel da época foi em "Dead End" de 1937. Também trabalhou em vários filmes como ator (coadjuvante/secundário), entre eles o sucesso "Angels with Dirty Faces". Uma característica de seus papéis dessa época, e a de que ele "morria" em quase todos os filmes. Em 1941, Bogart atuou como protagonista em "High Sierra", um roteiro que teve a participação de John Huston, seu parceiro de farra. No mesmo ano, também atuou no clássico "film noir" "Relíquia Macabra", com John Huston assumindo a direção. Neste filme, ele fez o papel de Sam Spade, um investigador particular. O filme foi considerado pelo crítico de cinema Roger Joseph Ebert e pela revista Entertainment Weekly como um dos melhores filmes de todos os tempos e recebeu três indicações ao Oscar. Depois de tantos filmes de gangsters, policiais, bandidos e mocinhos, Bogart pela primeira vez faz um filme romântico/dramático, "Casablanca". Lançado em 1942, o filme é um dos maiores clássicos do cinema mundial, onde Bogart interpreta "Rick Blaine", o dono de um clube na cidade de Casablanca no Marrocos. Durante as filmagens, ele e Ingrid Bergman, a protagonista feminina, quase não se falaram. Ela diria tempos depois: "Eu o beijei mas nunca o conheci". Bogart foi indicado ao Oscar de melhor ator mas não venceu, embora Casablanca tenha vencido na categoria de melhor filme. Durante as filmagens de "Uma Aventura na Martinica" em 1944, Bogart conheceu aquela que seria sua quarta esposa e a que lhe traria o casamento mais feliz, a jovem atriz "Lauren Bacall", ou Baby (como a chamava por ser 25 anos mais nova). Eles se casaram em 1945 e fizeram no ano seguinte o filme "À Beira do Abismo" já como marido e mulher. Em 6 de janeiro de 1949, Lauren deu a luz ao primeiro filho do casal, Stephen Humphrey Bogart (apelidado de Steve, em honra ao personagem de Bogie em Uma Aventura na Martinica) e depois, em 23 de agosto de 1952, eles tiveram uma menina, Leslie Howard Bogart. O nome foi em homenagem ao ator Leslie Howard que ajudou Bogart no início da carreira. Hoje Stephen tem três filhos, Jamie e Richard e uma menina (agora modelo) Brooke. De 1943 até 1955, Bogart fez vários filmes interpretando diferentes personagens. Em 1949, ele fundou sua própria produtora, a Santana Productions. No ano de 1951, Bogart fez o filme "Uma Aventura na África" contracenando com Katharine Hepburn num duelo memorável de interpretações e dirigido por John Huston. Este foi seu primeiro filme colorido e seu trabalho como o barqueiro Charlie Alnutt fez com que conquistasse finalmente o Oscar de melhor ator. Em 1954, filmou "A Nave da Revolta", baseado no livro homônimo de Herman Wouk, que ganhou o Prêmio Pulitzer em 1951, no papel do esquizofrênico Capitão Queeg. No mesmo ano ainda participou de Sabrina com Audrey Hepburn e William Holden e de "A Condessa Descalça", com Ava Gardner. Seu último trabalho foi em "A Trágica Farsa" de 1956 no papel de Eddie Willis, um jornalista esportivo que vira promotor de boxe. Humphrey Bogart bebia e fumava muito, e devido à isso teve câncer no esôfago. Em 1956, fez uma cirurgia no para retirar o esôfago e dois linfomas no "Good Samaritan Hospital" (Hospital Bom Samaritano) em Los Angeles, mas acabou por morrer em sua residência no dia 14 de janeiro de 1957. Causa da Morte: Humphrey Bogart faleceu às 06:30' de 14/01/1957, aos 57 anos de idade em sua residência em "232, Mapleton Drive" em Los Angeles (EUA) [Coordenadas GPS: Latitude / Longitude = 34° 4'48.06"N, 118°25'55.27"W], devido à complicações diversas provocadas por câncer. Sepultamento: Forest Lawn Memorial Park (Glendale) Glendale - Los Angeles - EUA. Local: Garden of Memory, Columbarium of Eternal Light. (Área Fechada. Não acessível ao público em geral). Coordenadas GPS (Latitude / Longitude) (Cemitério): [34° 7'27.23"N / 118°14'43.76"W] [Clique nas Coordenadas acima para acessá-las no Google Maps!] _____________________________________________________________ Nota: [Zelamos pela qualidade e precisão das informações contidas nas Mini Biográfias publicadas, no entanto falhas podem ocorrer, sendo que neste caso solicitamos que possíveis erros existentes nessa Mini Biografia, bem como para complementar informações e dados que possam melhorar o artigo, sejam comunicados através do e-mail: assombracoes@gmail.com]. _____________________________________________________________

domingo, 30 de dezembro de 2012

GEORGE REEVES - Obituário da Fama.


Ator [05 / 01 / 1914 <==> 16 / 06 / 1959] George Reeves, foi um ator norte americano, o qual é mais lembrado por seu papel de Superman na série de televisão produzida entre os anos de 1952 à 1957. Nascido com o nome "George Keefer Brewer" em Woolstock, Iowa (EUA), sendo seus pais Don e Helen Lescher Brewer. Sua data de nascimento real é 05 de janeiro, mas quando ele estava crescendo sua mãe mentiu para ele, dizendo-lhe que era 05 de abril de 1914, já que isto colocaria seu nascimento, nove meses depois de seu casamento. George não descobriu isso até que ele era um adulto. Para criar uma confusão maior ainda, sua mãe cometeu um erro em seus dados quando em seu enterro, indicando a data de nascimento como 06 de janeiro, em vez de 05 de janeiro. Seus pais se divorciaram quando ele era jovem, e ele foi adotado por seu padrasto, tendo por isso o sobrenome "Bessol". George foi criado em Pasadena, Califórnia (EUA), e estudou no Colégio Júnior Pasadena. Ele foi uUm pugilista amador e músico hábil, sendo que começou sua carreira de ator na Pasadena Playhouse, onde foi descoberto por "caçadores de talento" de Hollywood. Seu primeiro filme foi "Ride, Cowboy Ride," (1939), embora seja no papel de Stuart Tarleton, um dos pretendentes de "Scarlet O'Hara" em "E o Vento Levou" (1939), que ele é mais lembrado em seu início de carreira no cinema. George Reeves teve uma sequência de trabalhos "estáveis" no período de 1939 à 1943, aparecendo em mais de 40 filmes. No final de 1943, durante a Segunda Guerra Mundial, Reeves entrou para a Força Aérea Norte Americana, aparecnedo em diversos filmes de treinamentos de guerra, chegando ao posto de sargento. Ele também fez uma aparição na tela durante a guerra, no papel do tenente Thompson no filme patrocinada pelos EUA Exército "Vitória Alada" (1944). No fim da guerra, ele deixou o exército e retornou para Hollywood, onde continuou fazendo filmes e, em 1951, estrelou no papel-título do filme "Super-Homem e os Homens Toupeira" (1951). Devido ao sucesso de seu papel nesse filme lhe foi oferecido o papel-título na série de televisão "As Aventuras do Superman" (1952-1957), a qual foi transmitida no Brasil nas décadas de 1960 e 1970, ficando bastante conhecida pelo publico brasileiro. Inicialmente, ele foi relutante em assumir o papel de Superman, acreditando que teria mais sucesso como ator, atuando em filmes para o cinema. Só que Reeves ficou surpreso quando o papel se tornou um hit nacional, fazendo sucesso em todo o país. Após o fim da série, Reeves conseguiu alguns papéis em filmes para cinema e televisão, mas desde havia ficado estigmatizado como Superman, papel que representou durante muitos anos. Devido à esse fato, os convites para atuação em novos programas diminuiram. Embora Reeves estivesswe deprimido por ser estereotipado como Superman, ele levou as caraceterísticas do personagem a sério, mantendo o exemplo do "Super Homem" para as crianças, como deixando de fumar e aparecer com namoradas perto das crianças. Nas primeiras horas da manhã de 16 de junho de 1959, três dias antes de seu casamento com Lenore Lemmon, um tiro foi ouvido em sua casa localizada em "1579 - Benedict Canyon Dr. - Beverly Hills", sendo que em seguida George Reeves foi descoberto morto com um tiro na cabeça. Como resultado do inquérito e investigação policial, foi declarado que George Reeves havia se suicidado, no entanto, desde a sua morte, a informação adicional faz com que muitos acreditem que el foi assassinado. Reeves aparentemente teve um caso de longo prazo com Toni Lanier, uma ex-showgirl e esposa do executivo da MGM, EJ Mannix. Ela era conhecida por sua beleza e apetite sexual lendário, e, aparentemente, o caso teve a aprovação de seu marido, EJ Mannix, que tinha uma amante. Cinco meses antes, como Reeves estava para se casar com Lenore Lemmon, ele rompeu o romance com Toni, que a deixou de coração partido. Toni permaneceria dedicada à memória de Reeves para o resto de sua vida. Sua vida é discutida em detalhes em dois livros, "Superman: Serial to Cereal" (1976) por Gary Grossman, e "Hollywood Kryptonite" (1996) por Sam Kashner e Schoenberger Nancy. Será que George Reeves realmente tirou sua própria vida com um único tiro na cabeça ou foi sua morte realizada com um plano sinistro? Na noite em que morreu, ele teria bebido muito e discutiu abertamente com Leonore Lemmon, como testemunhado por seus amigos Bliss William, o escritor Robert Condon e Carol Van Ronkel. Reeves teria subido zangado para seu quarto, sendo que em seguida Lemmon e os convidados disseram ter ouvido um único tiro vindo de seu quarto. Embora considerado um suicídio, muitas pessoas se recusam a acreditar que ele se matou, pois pelo menos aparentemente, Reeves não era do tipo de alguém que cometeria suicídio. Esse é mais um dos inúmeros mistérios que permanecem ocultos nas sombras de Hollywood. Curiosidade: Existem relatos de que a casa onde Reeves se matou, hoje é assombrada com ruídos inexplicáveis ​​no quarto superior (local de sua morte), surgimento de cheiro de pólvora, além de pertences e objetos que são movimentados. Existem também relatos de que cachorros quando levados à casa, ficam latindo e recusando-se a entrar na sala, bem como luzes ficam piscando ou se apagando sem motivo algum. Alguns até dizem que George Reeves aparece no pé da cama dos atuais proprietários de vez em quando, vestido como Superman. Causa da Morte: George Reeves morreu em 16/06/1959 com 45 anos de idade, devido à perfuração em sua cabeça feita por arma de fogo. (Conclusão Policial: Suicídio). Sepultamento: Mountain View Cemetery and Mausoleum. Altadena - Los Angeles -California - EUA. Local: "Pasadena Mausoleum - Sunrise Corridor". www.alémdaimaginaçao.com

sábado, 3 de novembro de 2012

REGINA DOURADO. Obituário da Fama.


Atriz [22 / 08 / 1953 <==> 27 / 10 / 2012] Regina Dourado foi uma atriz brasileira, mais conhecida pelo público através dos seus inúmeros papéis em novelas televisivas. Regina Maria Dourado nasceu em 22 de agosto de 1953, na cidade de Irecê, no interior da Bahia. Aos 15 anos, começou na 'Companhia Baiana de Comédias'. Estudou canto e participou do Grupo de Dança Contemporânea da Universidade Federal de Bahia, do Coral Ars Livre e do Grupo Zambo. Ela estreou na TV durante o especial "A Morte e a Morte de Quincas Berro D'água", dirigido por Walter Avancini em 1978. Um momento unico para sua carreira começou realmente quando ela estreou pela primeira vez nas telinhas, no ano de 1978 com um especial dirigido por Walter Avancini, chamado “A Morte e a Morte de Quincas D`água”. A Euforia foi grande que no mesmo ano ela fez parte da novela “Pai Heroi”, de Janete Clair, sendo então sua primeira novela nas telinhas. Depois disso, Regina Dourado não parou mais! Na sequencia, fez “Cavalo Amarelo” e “Rosa Baiana”. Mas foi no ano de 1992, que Regina brilhou mesmo na novela “Pão Pão, Beijo Beijo”, dando vida a inesquecivel Lara Sereno. Foram inúmeros trabalhos, como no cinema, com a participação em filmes como “Baiano Fantasma” de 1984, e “No Coração dos Deuses, nos anos 90. Ela coleciona prêmios, como Melhor Atriz no Festival de Curta no Rio Grande do Norte, o Tigipió no Festival de Cinema em Gramado, e até mesmo alguns temas na TV. Por seu trabalho na TV, Regina também colecionou vários prêmios, como o de melhor atriz coadjuvante em Renascer (Prêmio APCA – São Paulo), melhor atriz em Tropicaliente (Prêmio Master Jornal de Clubes – Rio de Janeiro), além de melhor cena em Explode Coração (Prêmio Cassiano Gabus Mendes – Vídeo Show – Rio de Janeiro). Seu último trabalho na emissora foi na novela “América” (2005), como Graça. Na TV Record, esteve em “Bicho do Mato” (2006) e “Caminhos do Coração” (2007). No ano de 2003 a atriz Regina Dourado iniciou um tratamento contra um câncer descoberto em seu seio direito. Depois de enfrentar tratamento de quimioterapia e radioterapia, Regina conseguiu se recuperar da doença e voltou a atuar no teatro e na televisão. Segundo parentes, em 2010, descobriu um segundo nódulo no outro seio e fez nova cirurgia para retirada da mama e dos gânglios axilares. No último ano, a atriz enfrentava o tratamento com dificuldade. As complicações aumentaram, e no dia 20/10/2012 a atriz foi internada no Hospital Português em Salvador, onde foi descoberto que havia ocorrido uma metástase do tumor em seu organismo, comprometendo outros órgãos. Seu estado de saúde foi piorando gradativamente desde a internação. Respeitando a decisão da atriz de “não prolongar seu sofrimento”, os familiares pediram sua transferência para um quarto, onde permaneceu sedada até às 11h do dia 27/10/2012, quando não resistindo aos problemas gerados pela doença, faleceu, deixando um filho, Leonardo Dourado. Causa da Morte: Regina Dourado morreu em 27/10/2012 com 59 anos de idade, no Hospital Português em Salvador, Bahia, devido à omplicações diversas em seu organismo devido à Câncer originado em seu seio (Câncer de Mama). Sepultamento: O Corpo de Regina Dourado foi velado no Cemitério da Saudade em Salvador, Bahia, e em seguida foi cremado.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Michael Clarke Duncan.


Ator [10 / 12 / 1957 <==> 03 / 09 / 2012] Michael Clarke Duncan foi um famoso ator norte americano, o qual é mais lembrado pelos seus fãs como o "grandalhão" "John Coffey" do filme "A Espera de um Milagre" (1999), no qual pariticipou ao lado de um grande elenco, estando entre eles "Tom Hanks". Pelo seu incrível papel neste filme, Michael Clarke foi indicado Oscar e um Globo de Ouro. Ele também é reconhecido por suas aparições em filmes como "Armageddon", "Escorpião Rei", e "Demolidor", bem como participação com sua voz em obras como "Irmão Urso", "Kung Fu Panda" e "Delgo, além de fazer a dublagem de Atlas no jogo "God of War II". Michael Clarke nasceu em 10 de dezembro de 1957, em Chicago, Illinois e cresceu com um interesse inicial no esporte, particularmente o futebol, que mais tarde o levou a uma intenção de ir mais fundo neste ramo de esportes durante seu último ano do ensino médio. Sua mãe não aprovou a indéia de Michael seguir com esportes, mas encorajou-o a ser um ator, mas Michael nunca considerou seriamente essa idéia na época. O destino então começou a interferir quando ele deixou seus estudos quando fazia Comunicações na Alcorn Mississippi State University para sustentar sua família depois que sua mãe adoeceu. Entre seus trabalhos iniciais, Michael Clarke trabalhou escavando valas para instalação da rede de gás natural em Chicago, e mais tarde começou à trabalhar como segurança de casas de espetáculos. Através de seu trabalho noturno como segurança em clubes diferentes em sua cidade natal, o grandalhão inesperadamente recebeu o convite para trabalhar como segurança de uma companhia de teatro itinerante, que por fim o levou para Los Angeles, onde começou a procurar peças de espectáculos, até que conseguiu ganhar breves aparições em um punhado de séries populares de TV como "The Fresh Prince of Bel-Air" (1995), "Weird Science" (1996 ), além de "Living Single" (1997). Então as coisas começaram à melhorar, até quando Michael foi capaz de ganhar um papel de apoio no sucesso de bilheteria "Armageddon" (1998). Antes de se tornar ator, Michael Clarke Duncan foi segurança de alguns astros de Hollywood como Will Smith e Martin Lawrence, profissão que foi lhe rendendo pequenos papéis em filmes e seriados. Seu primeiro filme foi Friday, em 1995, porém o papel foi tão pequeno que ele sequer foi incluído nos créditos finais. As coisas começaram a mudar em 1998, com Armageddon, filme em que ele despertou a atenção de produtores e inclusive do astro do filme, Bruce Willis. E foi exatamente Willis que durante uma conversa com o diretor e produtor Frank Darabont, indicou Michael para o que viria a ser o papel de maior destaque em sua carreira, "John Coffey" em "The Green Mile - À Espera de um Milagre". Após o sucesso em "À Espera de um Milagre", Michael vinha aparecendo com freqüência nos cinemas em diversos filmes. No ano 2000 voltou a atuar com Bruce Willis em The Whole Nine Yards (Meu Vizinho Mafioso). Participou também de "Planet of the Apes" (Planeta dos Macacos), "See Spot Run" (Spot - Um Cão da Pesada), "The Scorpion King" (O Escorpião Rei), "Daredevil" (Demolidor - O Homem Sem Medo), "Pursued" (Perseguição), "Sin City" (Sin City - A Cidade do Pecado), "The Island" (A Ilha), entre outros. Também teve participação em um episódio da série "Two and a Half Men". Michael Clarke tornou-se vegetariano, tendo inclusive feito um vídeo-propaganda para a PETA (People for the Ethical Treatment of Animals). Causa da Morte: Em 12 de julho de 2012, Michael Clarke sofreu um infarto, mas foi reanimado por sua noiva. A ressucitação demorou mais de 5 minutos, deixando seus órgãos sem oxigênio durante esse tempo, causando danos severos em seu pâncreas e rins. Desde então estava internado em estado grave no "Cedars-Sinai Medical Center" em Los Angeles, onde faleceu em 03 de setembro de 2012 aos 54 anos de idade devido à problemas cardíacos e falência de órgãos complicações de infarto e falta de oxigênio em seu corpo quando na ressucitação do primeiro atendimento local. Sepultamento: O corpo de Michael Clarke Duncan foi sepultado no Cemitério Forest Lawn Memorial Park (Hollywood Hills) em Los Angeles - Califórnia - EUA, no dia 10/09/2012.

domingo, 9 de setembro de 2012

JAMES COBURN


Ator [31 / 08 / 1928 <==> 18 / 11 / 2002] James Coburn foi um ator norte americano, foi um ator norte-americano famoso por interpretar papéis de "durão" no cinema e vencedor do Oscar de melhor ator (coadjuvante/secundário) em 1998. Foi neto de outro grande ator dos anos 40, também vencedor do Oscar, Charles Coburn. James Coburn nasceu na cidade de Laurel, estado de Nebraska (EUA), e estudou no "Stella Adier Theatre School" em Nova York (EUA) fazendo peças, trabalhando nos bastidores, em comerciais de TV e atuando em TV ao vivo no Studio One da GENERAL ELECTRIC Playhouse. James Coburn começou sua carreira em seriados da tv americana, especialmente em westerns, se tornando conhecido no começo dos anos 60 por seu trabalho nos filmes "Sete Homens e um Destino" e "Fugindo do Inferno", nos quais tinha papel de (coadjuvante/secundário) "durão" entre tantos astros, como Yul Brynner, Charles Bronson e Steve McQueen. Sua fama mundial chegou em 1966 como Derek Flint, o super espião americano criado por Hollywood para concorrer com James Bond, que fez dois filmes de grande popularidade, "Flint contra o Gênio do Mal" e "Flint:Perigo Supremo", sendo o mais bem sucedido, em crítica e bilheteria, de todos os agentes que parodiavam 007 nos anos 60. Mestre em karatê (aprendido com Bruce Lee), o que lhe dava grande suavidade de movimentos e agilidade, Coburn encarnou com grande competência e carisma o agente secreto mulherengo, mestre em artes marciais, fluente em quarenta e sete idiomas, neurocirurgião, espadachim, físico nuclear, que vivia numa mansão com quatro lindas mulheres (uma alusão a Hugh Hefner, editor da revista Playboy) e divertiu legiões de fãs nas telas de todo o mundo, principalmente pelo tom de comédia e exagero maior que nos filmes de Bond, (na época, Sean Connery). Após conseguir o status de superstar no cinema, Coburn, adepto do budismo e de um estilo de vida mais recatado e contemplativo, dedicou-se apenas a pequenos filmes independentes, o que o tirou do centro das atenções em Hollywood, por quase dez anos, devido ao fracasso destes filmes. Foi graças a seu amigo, o diretor Sam Peckinpah (com quem trabalhara no faroeste Major Dundee de 1965), que voltou às grandes produções no meio da década seguinte, com os filmes "Pat Garret e Billy the Kid", com Kris Kristofferson, e "Cruz de Ferro", um violento épico de guerra na frente russa da II Guerra Mundial. Com um severo problema de artrite, pouco filmou nos anos 80, voltando a participar mais ativamente de filmes na década de 90, em "Jovens Demais Para Morrer", "Queima de Arquivo" (ao lado de Arnold Schwartzenegger), "O Professor Aloprado", "Maverick", "O Troco" até o Oscar de (coadjuvante/secundário) em 1998 como um velho durão e cruel que abusava de seu filho (Nick Nolte) em "Temporada de Caça". James Coburn se casou com Beverly Kelly em 1959, sendo que o casal teve dois filhos, Lisa e James Jr., antes de se divorciar em 1979. Coburn se casou novamente em 1993 com Paula Murad, permanecendo com ela até sua morte em 2002. Causa da Morte: James Coburn morreu repentinamente em sua casa em Beverly Hills (Los Angeles - Califórnia - EUA), em 18 de novembro de 2002, com 74 anos, devido a um ataque cardíaco fulminante enquanto ouvia rádio, deixando mulher, filho e uma enteada. Sepultamento: Westwood Memorial Park. Los Angeles - California - USA.

domingo, 26 de agosto de 2012

JACK LORD .


Ator [30 / 12 / 1920 <==> 21 / 01 / 1998] John Joseph Patrick Ryan, mais conhecido como Jack Lord, foi um famoso ator norte-americano, o qual atuou em cinema, televisão e na Broadway, sendo mais lembrado pelos seus notáveis papéis de Steve McGarrett do seriado de TV Hawaii 5-0 e Felix Leiter em 007 Contra o Stânico Dr. No. Nascido Nasceu no Brooklyn em Nova York, filho de pais de ascendência irlandesa como o nome de John Joseph Patrick Ryan, mas adotou o nome de "Jack Lord" quando começou a atuar no início de 1950. Aos 15 anos começou a passar seus verões no litoral, e do deque de navios de carga, pintava e fazia esboços das paisagens que encontrava. Passou o primeiro ano da Segunda Guerra Mundial com o Departamento de Corpo de Engenheiros, construindo pontes na Pérsia. Depois retornou à Marinha Mercante e se inscreveu para o curso de oficial de plataforma. Enquanto fazia filmes de treinamentos marítimos, teve a idéia de atuar. Foi então que decidiu estudar na escola de atores Neighborhood Playhouse, trabalhando primeiro como marinheiro. Mais tarde, estudou na escola de atores Actor's Studios, estudou com Marlon Brando, Paul Newman e Marilyn Monroe. Jack Lord foi um grande pintor artísticom sendo que dois de seus quadros foram adquiridos pelo Museu Metropolitano de Nova York de Arte e do Museu Britânico de Arte Moderna, isso quando Jack tinha vinte anos de idade. NO início de sua carreira, Jack Lord trabalhou como vendedor de carros, e progrediu, sendo que quando passou à se dedicar à carreira de ator, foi membro do Actors Studio. Jack Lord surgiu na Broadway, substituindo Ben Gazzara como ator principal na produção original de Tennessee Williams, "Gata em Teto de Zinco Quente", antes de ir para Hollywood. Jack atuou em vários filmes clássicos, entre eles "Homem do Oeste" (1958), estrelado por Gary Cooper. No início de sua carreira, ele conheceu sua esposa, Maria de Narde quando ainda atuava com artes plásticas, sendo um dos principais artistas em destaque. Sua esposa Marie logo deixou sua carreira como designer de moda bem sucedida, para apoiar Jack em se tornar um ator. Jack Lord atuou no "007 Contra o Stânico Dr. No", mas, principalmente, fez televisão, onde ele foi lançado em uma sucessão de papéis como vilão. Através dos anos 1950 e 1960, ele fez aparições em dezenas de séries de TV. Seu primeiro papel em uma série de TV foi no western, "Stoney Burke", que durou apenas um ano. Quando a série acabou, ele trabalhou por vários anos cantando músicas ocidentais em rodeios e feiras. Um papel que o deixará sempre lembrado pelos fãs da época, e até dos dias atuais, foi o de "Steve McGarrett", no programa de televisão "Hawaii 5-0", que foi ao ar entre os anos de 1968 à 1980, com 284 episódios. Jack Lord dirigiu muitos dos episódios de "Hawaii 5-0". A série foi visto em 80 países, com uma audiência semanal estimada em mais de 300 milhões de espectadores, e é ainda visto diariamente devido à sua transmissão através de centenas de emissoras de TV em todo o mundo. A série foi filmada inteiramente no Hawaii por insistência do Jack Lord. Informações Adicionais: - Sua estréia na televsão foi em um episódio da série "Follow That Man" em 11 de abril de 1954. Ele foi conhecido por ser um homem culto, que amava de ler poesia em voz alta no estúdio de Hawaii 5-0. - Ele foi um dedicado ativista liberal, que era porta-voz do controle de armas nos EUA, apesar de usar armas em quase todas as suas performaces. - Casou-se duas vezes: com Anne Willard (1942-1947) e com Marie Denarde (1948-1998). - Lord encontrou seu filho (de seu primeiro casamento) apenas uma vez, quando ele era bebê [o menino foi morto em um acidente de carro quando tinha treze anos]. - Sempre usava chapéu panamá. - O estúdio que foi utilizado para as filmagens de "Hawaii 5-0" foi usado posteriormente para as filmagens da série "Magnum P.I." com Tom Selleck [Coordenadas GPS (Latitude / Longitude = 21°15'54.96"N, 157°47'47.69"W]. Causa da Morte: Jack Lord morreu em 21/01/1998 com 77 anos de idade, em sua casa em Honolulu (Hawaii), devido à insuficiência cardíaca congestiva. Sepultamento: O corpo de Jack Lord foi cremado, e suas cinzas foram espalhadas no Oceano Pacífico, próximo ao condomínio Kahala, onde ele morava Mini Biografia no site “Além da Imaginação Home Page”.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Obituário de Ator Fernando Almeida Soares.


Ator [21 / 01 / 1974 <==> 04 / 04 / 2004] Fernando Almeida Soares foi um ator brasileiro, conhecido por sua atuações em e novelas e mini séries da Rede Globo de Televisão nas décadas de 1980 e 1990. Nascido na cidade do Rio de Janeiro, de família pobre, Fernando iniciou sua carreira como ator em 1980, aos seis anos, na telenovela "Olhai os Lírios do Campo". Em 1984 teve destaque vivendo Gibi, o menino amigo do protagonista Pardal (Tony Ramos), na telenovela global "Livre Para Voar". Diferentemente de outros atores com o mesmo perfil, como Fernando Ramos da Silva (de Pixote, a Lei do Mais Fraco), Fernando levou a sério sua promissora carreira como ator, e conseguiu trabalhos em outras tramas da Rede Globo de Televisão, prosseguindo dessa forma com a carreira artística. Participou de telenovelas como "Vale Tudo" (1988) e "Lua Cheia de Amor" (1991), em papéis de certo destaque, bem como minisséries como "Sex Appeal" (1993). Na madrugada do dia 04/04/2004, o ator carioca Fernando Almeida Soares, 29 anos, foi assassinado na cidade do Rio de Janeiro. A sua família só soube da morte dois dias depois. Fernando estava num ponto de ônibus no bairro de Realengo quando foi abordado por dois bandidos em uma motocicleta, os quais dispararam dois tiros contra a cabeça do ator. Horas antes, Fernando Almeida se desentendera com alguns jovens em uma festa no Bairro de Padre Miguel. O motivo da discussão, segundo relatos foi uma garota. Seu último trabalho na televisão foi na telenovela "A Padroeira", em 2001. Fernando Almeida era casado e tinha um filho com a atriz Antônia Fontenelle. Causa da Morte:Fernando Almeida Soares morreu em 04/04/2004 com 29 anos de idade, vítima de perfurações feitas por disparo de arma de fogo em uma execução na cidade do Rio de Janeiro (Brasil). Sepultamento: Cemitério de Irajá. Praça Nossa Senhora da Apresentação, 198. Irajá - Rio de Janeiro - RJ - Brasil.